Projeto: Cresce Cachinhos

Oie meninas, tudo bem?

Quero dividir com vocês esse projeto que andei pensando em me dedicar que é deixar meus cabelos grandes, tarefa um tanto quando difícil para mim que adoro passar a tesoura.

Primeiro vou contar um pouco sobre meus cabelos.

Acredito que como muitas meninas que têm os cabelos cacheados ou crespos já passaram por essa “crise” com suas madeixas. Quando mais nova achava meus cabelos volumosos, não gostava, achava que cabelo liso era tudo de bom, passava chapinha, algumas vezes só na franja, passava alisante… Só depois que fui crescendo mais, achei uma nova alternativa, fazer relaxamento para deixar os cachos “mais comportados”, além de encher de creme- quando não gel- e repartir ao meio deixando colado na cabeça. Ah que horror! Lembrando disso agora e pensei “Como fui capaz de fazer isso?”. Mas isso é papo para um outro post.

Então, comecei a ficar cansada de sempre ter de comprar o relaxamento para passar, quando a raiz crescia ficava horrorosa, além do que  começou a alisar mesmo algumas mechas e não só deixar os cachos “mais soltos”. Foi aí que decidi entrar na transição.

Para quem não sabe a transição capilar é quando você para de passar qualquer produto químico no cabelo, até chegar ao cabelo natural. Algumas pessoas optam pelo Big Chop, que é cortar o cabelo bem curtindo assim tirando de uma vez todo o cabelo que tem química. Eu preferi ir cortando aos poucos e deixando os cabelos crescerem, foi um processo bem complicado, mas que valeu a pena, cheguei a cogitar fazer o Big Chop, mas como meus cabelos não estava efetivamente lisos, deu pra passar pela transição de forma “natural”, e foi assim por um ano e pouquinho.

10368196_900268459997237_7779954570268556624_n

Antes de cortar no início do ano

Bom, no início desse ano me deu uns 5 minutos – sou dessas de ter 5 minutos para tudo nessa vida rs – e resolvi cortar meus cabelos, sendo que não fazia muito tempo que eu tinha dado uma cortadinha. Ah! Eu mesma que corto o meu cabelo 🙂 . Só que dessa vez eu extrapolei, creio eu, cortei muito, achei lindo e maravilhoso… mas no dia seguinte bateu um arrependimento, como o que havia feito já tinha sido feito, aceitei até porque logo depois viajei para o nordeste e lá tava fazendo um calor de 50ºC na sombra. Desde quando comecei a simplesmente deixar meu cabelo natural, eu não deixei mais grande como eu gostaria, tudo achava motivo para passar a tesoura, só que agora não tenho mais nenhum vestígio de química (relaxamento, porque eu já fiz luzes e pintei da cor natural), pretendo não cortar mais até chegar ao tamanho que desejo.

WP_20150402_022

Foto atual, ele cresceu um pouco, mas como finalizei o cabelo de um jeito diferente, ficou mais enrolado e do mesmo tamanho de quando cortei

Começando esse projeto a partir de agora, espero que até o mês de dezembro meus cachinhos tenham crescido consideravelmente, acredito que isso vá acontecer, porque meu cabelo tem bom crescimento… uffa! Mas, pensando um pouquinho aqui, acho que terei de aparar as pontas eventualmente, tanto para manter o corte, como para tirar pontas dublas e quebradiças, não acham?

Então, eu andei pesquisando um pouco algumas maneiras caseiras de incentivar o cabelo a crescer, mas ainda preciso de mais ajuda :D. Comprei algumas ampolas para dar força  e de Jaborandi que ajuda do fortalecimento e crescimento, comprei também um creminho de hidratação de Jaborandi, mas acho que preciso de muito mais que só Jaborandi, não é mesmo?

Vocês têm algumas dicas para me dar?

Conforme for passando os meses, vou dividindo essa experiência com vocês, que tal? E vão acompanhando comigo o crescimento até dezembro 😀

Beijão

Ágatha Alves

Ágatha Alves

Jornalista por formação, 25 anos, leonina, cacheada com muito orgulho e paulistana. Cultiva um amor incondicional por esmaltes e algumas coisinhas a mais.

More Posts - Website - Twitter - Facebook

2

No Comments Yet.

Deixe uma resposta


%d blogueiros gostam disto: